Seguidores

domingo, 12 de março de 2017

ELE



Ele

Ele é o todo lindo,
o incomparável, o Messias,
quem minha sede sacia,
e me fala de amor
e me aquece o peito
sim, Ele é o renovo, o leão, a águia,
o meu perfeito guia.


Por sua causa manhãs nascem,
intensas,
o céu se colore de um azul vívido
tal qual o tempo do outono,
em sua reverência.

E todo o meu ser se aquieta
para ouvir a passarada,
anunciando a festa para a qual,
docemente, me convida.

Com ele meu medo se esvai
e o amor pulsa de um jeito
que me invade a mente
e o pensamento inteiro.

E as cores se multiplicam
as flores, a uma, desabrocham
os bichos cantam, bradam, celebram,
e o homem pode ter paz.

O gozo da alma está nele
e a resposta às nossas questões.
Ele é o futuro e o presente
sim, é ele quem restaura
as nossas relações.

Vem e vê, irmão
o êxtase de a ele seguir
o caminho mais belo a andar
o reflexo a perseguir
aquele que, reto e límpido, se traduz
em vida de alívio puro
e que a cada suspiro nosso,
doce, e livremente,
nos conduz.

@Cristina Lebre - 04.01.17
Código em RL – T5873302

Um comentário:

Patrícia Pinna disse...

Bom dia, Cristina.
Que poema lindo falando sobre Jesus.
Certamente ele nos conduz à paz.
Sem Ele nossa vida fica vazia e perdida.
Um presente que Deus deu à humanidade e que nem todos agradeceram.
Tudo de bom.
Amei.
Beijos na alma.